Deputado é contra o retorno às aulas presenciais

0

“O momento é de grave instabilidade e insegurança na saúde pública”. E nossa prioridade precisa ser com a vida”. A afirmação é do deputado estadual Lazinho da Fetagro (PT) ao voltar a analisar sobre o retorno às aulas presenciais.

O parlamentar reafirma seu posicionamento de que não é momento ainda para as atividades escolares presenciais, e que toda discussão a esta questão precisa estar sustentada em cautela e responsabilidade.

Como membro da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, desde o início da pandemia tem aprofundado o debate sobre o tema, por compreender sua complexidade e relevância. Mas, posiciona-se em defesa da garantia da saúde e vida dos estudantes e profissionais da educação.  O deputado foi presidente da pasta nos últimos dois anos e hoje segue membro titular.

Lazinho da Fetagro aponta a grande alta nos números de contágio e mortes pelo coronavírus e o consequente colapso na rede pública de saúde e até na rede privada como indiscutíveis razões para que se mantenha as medidas de combate ao vírus e, também, a ordem de vacinação estabelecida no Plano Estadual de Imunização contra a Covi-19, respeitando os grupos prioritários.

Outra preocupação do deputado é em relação a setores da sociedade e classes de trabalhadores que fomentam a economia e que, em seu entendimento, devem ser antepostos a volta às aulas presenciais nas discussões e tomadas de medidas, inclusive quanto a imunização.

“Antes das aulas, penso ser prioridade assegurar o retorno ao trabalho de muitos homens e mulheres que proveem o alimento em suas casas e giram a economia local. Temos muitos trabalhadores informais que precisam ser vacinados, voltar às suas atividades, e alimentar seus filhos, prioritariamente, à mandá-los para escola”.

Comments

comments